Guns Lollapalooza 2020

Texto de exemplo

Este é um texto de exemplo dentro de sua coluna recém criada.

Texto de exemplo

Este é um texto de exemplo dentro de sua coluna recém criada.














Texto de exemplo

Este é um texto de exemplo dentro de sua coluna recém criada.

Texto de exemplo

Este é um texto de exemplo dentro de sua coluna recém criada.

Guns N’ Roses volta ao Brasil
para show no Lolla de 2020


 
           Banda norte-americana será um dos headliners do festival, no ano que vem; datas do evento estão sendo definidas

Três anos após a presença do Metallica no line up, o rock pesado volta a ser uma das principais atrações do Lollapalooza brasileiro. O Destak apurou que a edição de 2020 terá o
Guns N’ Roses como um dos headliners. O evento acontece em datas a serem definidas entre o final de março e o início de abril.

 
O detalhe é que suspeita-se que a banda norte-americana chegue com disco novo e a formação clássica, ou a mais próxima disso. Outro rumor é que o grupo poderia tocar na
íntegra o álbum “Use Your Illusion”, de 1991, em que gravou sucessos como “You Could Be Mine”, “Don’t Cry” e a cover de “Knockin’ On Heaven’s Door” (de Bob Dylan).


Tudo vai depender da temporada de shows que o Guns faz no segundo semestre, nos EUA, segundo disse o guitarrista Slash a uma rádio. De acordo com o músico, que esteve
no Brasil em maio, a banda já trabalha em novas canções, mas só irá para o estúdio depois dessa etapa de apresentações, no final de 2019.


O grupo não lança um álbum de estúdio desde “Chinese Democracy”, de 2008. Slash não participou deste disco, assim como o baixista Duff McKagan, outro que andou dando
dicas de que vem novidade do Guns por aí.

Euforia
O Guns N’ Roses teve carreira eufórica entre “Appetite For Destruction”, o álbum de estreia, de 1987 (que contém os clássicos “Welcome to the Jungle”, “Paradise City” e
“Sweet Child O’Mine”) e o duplo “Use Your Illusion”, que saiu quatro anos depois.

Cenas de euforia também marcaram todas as apresentações do grupo no Brasil. Na visita anterior, em 2017, o Guns N’ Roses fez um show de mais de 3 horas no Rock in Rio, que teve até homenagem a Chris Cornell (morto naquele ano) e ainda incluiu no roteiro performance em um festival denominado São Paulo Trip.



FONTE: Jornal Destak

Comments are closed.